Ano de ingresso no consórcio

2022

COMPARTILHE

Louveira foi fundada em 1639. Seu primeiro povoador foi Gaspar de Oliveira, ou de Louveira, onde há uma grande dúvida em relação ao seu sobrenome, natural de Logroña, Espanha, casado com Dona Páschoa Costa. Louveira pertence a Jundiaí por mais de 300 anos como Vila de Louveira. Havia também a Vila de Rocinha, atual cidade de Vinhedo.

Em 31 de outubro de 1908, a Vila de Rocinha passou a categoria de Distrito, quando  o governador do Estado era Albuquerque Lins. Em 1948, pela Lei nº 233, Vinhedo desmembra-se de Jundiaí. Louveira passa a pertencer a Vinhedo como bairro. Em 1949, o Bairro de Louveira conseguiu eleger cinco vereadores: Nicolau Finamore, Belmiro Niero, Gilberto Ajjar, José Baggio e Francisco Bossi, que atuaram na primeira legislatura do Município de Vinhedo, entre 02 de abril de 1949 à 1º de abril de 1953. O prefeito era Abrahão Aun. O sub-prefeito de Vinhedo e que administrava Louveira na época era Ricardo Steck, também residente neste bairro.

No dia 1º de dezembro de 1963, o povo em plebiscito se manifestou pela elevação de Louveira à Município por 1015 votos favoráveis e apenas 32 votos contrários.

Em 07 de março de 1965 realizaram-se as eleições municipais  e os seus primeiros representantes eleitos foram os senhores Odilon Leite Ferraz para Prefeito e Belmiro Niero para Vice-Prefeito.